A LONGA CAMINHADA (Não Necessariamente Para o Oeste)

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Mais um Paliativo...



Hoje de manhã o dia "começou" muito bem... a rua estava sendo aberta por tratores para escoar as águas das chuvas. Tudo bem em fazer isso... mas logo no inverno!? Eu hêin!? Não é de hoje que os políticos que administram a minha cidade fazem este tipo de trabalhos paliativos. Ou seria os políticos de todas as cidades do Brasil??? Bem... é melhor não generalizar.

Isso aconteceu porque alguns moradores junto com a prefeitura de Jaboatão dos Guararapes resolveram abrir canaletas no meio da rua para desafogar as águas que inundam minha rua e outras próximas. Só que começaram os trabalhos sem entrar em contato com outros moradores da mesma rua, ou seja, a minha família e casas vizinhas. Não pediram a opinião e sem mais nem menos abrem um tremendo buraco sem a gente saber quando irão tapar novamente.


Querem fazer os buracos nos lugares onde estão enterrados os canos de água das casas. O cano do vizinho já foi a vítima do momento e por pouco foi da minha casa, se não fosse pelo carro de outro vizinho que o colocou em frente ao trator para não continuar com os buracos. Minha mãe, coitada, só vive ligando para prefeitura resolver os problemas da minha rua. Entrou uma gestão, entrou outra... e a burocracia continua a mesma. Só que quando eles finalmente tentam resolver, inventam de fazer na estação errada... e mais, resolve de forma mal planejada e mal feito.

Anteriomente já teve gente que tiveram esta "brilhante" ideia de jogar essas águas na minha rua, que por sinal é baixa. O prefeito "Matusalém" Nilton Carneiro já desgraçou ela antes tempos atrás ao criar uma favela no lugar que era para ser uma praça, de acordo como estava numa planta da prefeitura... com certeza fez isso só para ganhar votos. E como não bastasse, ele fez com que toda água, que via da chuva e chegava nesta favela, fosse... claro! Desviado para minha rua.

Desde que eu moro na rua Nossa Senhora do Loreto, em Piedade, tenho problemas com as chuvas. Teve até um ano que para eu ir para o colégio, tive que passar um tempo na casa da minha avó, que era mais perto e mais sequinho. Outra vez, tive que aguentar certas gracinhas dos colegas de classe por aparecer na aula... com botas!? Ai... que passado tenebroso! Só que até aí dava para aguentar numa boa e com tempo aprendi a sobreviver na lama como carangueijo, he, he... só que de uns anos pra cá a minha rua piorou e muito.


Porém eu fico a pensar este descaso com a rua Loreto seja na verdade por culpa dos moradores mesmo, por não cobrar sempre das autoridades alguma solução. Antigamente os problemas eram bem menores e se tivesse um pouco de mobilização para botar pressão, não estariamos passando tantas privações atualmente.

É só olhar esta foto de 1997 para ver como a minha rua era outra coisa... nem parece a mesma!? Meu pai todo sorridente com sua moto recém comprada numa rua que aparentemente não existe mais.

Tudo bem que não era uma maravilha... não tinha asfalto, luz e sempre nesta época do ano era um tormento, porém agora!? Destruíram foi tudo, isso só para resolver os problemas dos outros de uma forma que jogue para nós, que moramos no final dela: É aquela famosa dança da batata quente, cada um que se vire. Não sei se terei que comprar aqueles carros de andar em trilhas, pois o negócio ultimamente tá difícil.

O lance é que esta rua, que recebe o nome de uma igreja histórica, não recebe o merecido valor que ela tem pelos governantes da cidade. Acho que não só ela, mas quase todos os bairros que residem em Jaboatão, que eu mesmo a chamo de "Terra sem Lei". Uma cidade que tem a 2° maior arrecadação do estado de Pernambuco e com valor histórico para todo Brasil, é tratada como se fosse uma cidadezinha de interior. Sonho com um dia que ela receba o tratamento que realmente merece.

Veja o vídeo que eu fiz pela manhã, minha mãe como sempre nervosa...


Não se sabe de fato se este impasse vai ter alguma solução... pois cada um só que saber do seu lado e ninguém se junta para brigar pelos seus direitos com o governo. Entretanto, acredito que a solução para isso talvez seja definido nos próximo dias. Espera-se!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Hei! Cuidado com que você vai comentar...
Posso também vomitar na sua cara, infeliz!!!

Outros Trecos...