A LONGA CAMINHADA (Não Necessariamente Para o Oeste)

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Scarlett Johansson



Hoje uma data especial, pois umas talentosas atrizes faz aniversário. Na verdade o seu talento estar mais no que receia o seu sutiã: Scarlett Johansson. Tá, vou admitir que ela talentosa, porém poderia ter arte drámatica de uma pedra que seria fã do mesmo jeito, he, he, he...

O primeiro filme que eu vi dela (pelo menos acredito que seja) foi Ponto Final, onde ela aparecia como uma gostosa capaz de acabar com um casamento de um mané em acessão (que de mané não tinha nada, veja o filme e saiba o porquê). Depois disso, tudo que é filme que ela aparecia eu via, ou melhor, quase todos. Um dos mais interessantes é os que ela aparece como Viúva Negra, personagem de quadrinhos da Marvel.

Ela aquela atriz que só de olhar você fica apaixonado (com lípido a flor da pele). Espero algum dia encontrar alguém com o décimo de beleza que Scarlett tem. Estaria por mais que satisfeito... Modesto!? Eu?? Que nada... A gostosura dessa galega é tanta que para uma mulher esse pouquinho já tava mais que suficiente, he, he, he... O problema agora é achar.

Parabéns Scarlett!!

terça-feira, 12 de novembro de 2013

20 Anos de UFC


Já faz uns dias que comprei a REVISTA VIP das 100 mais Sexys. Entretanto o que chamou mais atenção nela foi a reportagem dos 20 anos de UFC onde a 1ª edição aconteceu nesse mesmo dia em 1993. Lembro como se fosse ontem quando meu pai em 1994 pegou o VHS da locadora e colocou para a gente ver. Royce Grace botando moral nos gringos, muito massa. Algo que ficou bem gravado na memória da minha adolescência.

20 anos: parece que foi ontem
Naquele tempo o evento lembrava muito o vale tudo, não tinha esse monte de regra e esse gramor todo que tem nos dias de hoje. A ideia do evento foi do irmão Royce, Rorion Grace, para mostrar a supremacia do Jiu-jítsu em relação as outras Artes Marciais. Os estrangeiros ficaram surpresos e por um bom tempo isso foi uma boa mídia para família Gracie e o Brasil, mostrando que aqui não é somente capoeira.

Eu gostava na época, mas como tempo perdi o interesse. Só voltou em 2011, quando teve aquela luta de Anderson Silva com o Japa que foi no Rio. Nela deu para perceber como mudou e muito. Parece outro tipo Boxe, bem longe daquilo que Rorion imaginou. Não é a toa que na quarta edição ele e todo clã dos Gracie foram embora do evento, não tinha mais sentidos pra eles.

domingo, 1 de setembro de 2013

Macaco - Uma Jornada para o Oeste


Macaco é a história de onde foi inspirado Dragon Ball

Este livro eu comprei já faz um bom tempo e sempre enrolava pra ler. Assim que fiz o perfil no Skoob, a primeira coisa que veio na mente foi de ler-lo. Também pudera, depois de quase 8 anos comprado na Bienal do Livro de Pernambuco, já tava mais do que na hora, não é? He, he... E pensar que pra comprá-lo teve a sua própria história... Mas isso vou deixar para outra oportunidade, vou falar é do livro em si.

É uma história muito antiga e popular no oriente que conta como o budismo chegou na nação chinesa. O Macaco (Sun Wukong) é o personagem principal da história. Muito teimoso e egoísta, ele passa por muitas aventuras até que redime do seus pecados e se torna monge, ajudando o peregrino budista Tripitaka a levar as escrituras sagradas da Índia até a China.

Essa versão não é a melhor coisa do mundo, porém é ótima para ter uma ideia da história, algo que por um bom tempo não tinha. Vale a pena para a leitura, principalmente para as pessoas assim como eu se interessou pelo tema por causa do anime Dragon Ball, onde o protagonista da história foi baseado do protagonista deste livro.

terça-feira, 6 de agosto de 2013

Cerimônia do Bodhisattva Kshitigarbha



No último Domingo teve o encerramento da Cerimônia do Bodhisattva Kshitigarbha. Ela aconteceu em 3 Domingos consecutivos. Eu fui em todos, apesar de que ir mesmo só nesse último, já que nos outros eu só chegava bem atrasado, he, he, he... se realiza essa cerimônia de arrependimento e gratidão em retribuição à generosidade dos antepassados que nos protege e ajudam.

Kshitigarbha é um Bodhisattva conhecido por sua promessa de assumir a responsabilidade para a instrução a todos os seres nos 6 mundos. Ele prometeu não atingir a iluminação total até que todos os infernos fosse esvaziados. Foi a 1ª vez que fui para esta cerimônia, diferente das outras que já tinha ido 2 ou 3 vezes. Gostei muito, mas em compensação meu joelho ficou todo dolorido de tanto fazer reverência... nunca ajoelhei tanto como nesse Domingo. De qualquer forma foi legal.

Um fato posterior: Quando na hora de ir embora, o ônibus em que eu estava bate feio em um veículo pequeno perto do Shopping Tacaruna, uma batida feia. Felizmente, apesar da gravidade do acidente, não teve nenhuma perda humana, só perda material. O carro então...                    

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Deusa Suprema em Sangue Bom


Minha Deusa Musa Diva como sempre!!

Já faz um tempo que a novela estreou e eu ainda nem comentei a respeito da participação de Ellen nela, que fã desanaturado sou, he, he, he...

Então aproveitando o seu aniversário de 34 anos, venho aqui comentar. Na novela a nossa Deusa Suprema interpreta Bruntette, uma funkeira muito da gostosa, que também é conhecida como "Mulher Mangaba". Engraçado que sempre gostei dessa fruta, mas agora mais ainda, hi, hi, hi... Delicia!!

Por motivo de força maior não estou acompanhando, porém o que vejo pelas mídias, redes sociais e afins é que essa personagem esta fazendo muito sucesso, chamando atenção mais do que era imaginado. Em entrevistas (mais antigas precisamente) Ellen Rocche dizia que não gostava dessa associação com o biotipo "gostosa", pois apesar do corpão, ela é muito tímida. Só que como a própria disse em outra ocasião, ela meio que estar aceitando essa ideia de "boazuda"... ainda bem!!

É sagrado falar de Ellen por aqui no dia do seu aparecimento e desta vez não seria diferente, mesmo que não esteja postando muito. Espero que hoje ocorra tudo bem e celebre com alegria esta data tão querida. São os votos sagrados de seu eterno fã.

Parabéns Deusa Suprema pelo seu dia.

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Minha Mãe é uma Peça - O Filme


Uma comédia que vale a pena assistir

Hoje tarde não tive aula, pois por causa do "grande" acontecimento que é um jogo do Brasil, todo mundo foi liberado... então eu que não tava afim de voltar logo pra casa, resolvi assisti algo no cinema. Pensei em assistir este quando em outro filme eu vi o seu trailer.

E que trailer, depois de ver, não tinha como não assistir, he, he, he...

Em "Minha Mãe é uma Peça" conta-se as peripécia de Dona Hermínia, uma dona de casa que cuida de sua família e problemas do lar de forma singular. A história é baseado nos casos que ator viveu com a própria mãe. Sim, um ator, que interpreta a sua mãe e é isso que dá graça nessa comédia muito gostosa. Os trejeitos são tão perfeitos que as vezes no cinema nem se dava conta que ali é um homem.

O filme é uma versão cinematográfica de uma peça de teatro de mesmo nome (daí a peça do título). Sinceramente falando, nunca tinha ouvido falar dela e muito menos do ator Paulo Gustavo que pelo que vi na película é muito talentoso. E isso me deixa bastante arrependido, pois agora tenho vontade de ver e nem sei se chegou a ser exibida aqui em Pernambuco. Quem sabe com sucesso do filme, Paulo faça uma nova temporada.


Um filme muito bom, de fazer você se mijar de rir (por pouco isso quase acontece, pois estava bebendo um copão de refrigerante). Vou ver se assisto de novo e desta vez eu chamo minha mãe.

quarta-feira, 12 de junho de 2013

Meu Desejo mais Secreto


Aproveitando o dia de hoje (e toda a atmosfera que se é criada) vou contar uma história que aconteceu comigo no ano passado, não tenho certeza da data, mas acho que foi em Setembro.

A embalagem do Sonho de Valsa guardo até hoje

O local era Shopping Tacaruna, não me lembro o motivo de está lá, mas era algo que precisava fazer. Tinha ido no supermercado pra comprar algo para mim, meu dinheiro tava todo contado.

Bem, estava numa boa na fila quando de repente aparece uma garota muito apressada que pediu um favor para mim: que quando fosse a minha hora de passar no caixa, que passa-se junto uma compra dela, que era um queijo (não me lembro que tipo, parecia do reino não sei).  Eu distraído, de bom grado concordei... ela ficou tão surpresa pela minha cordialidade que resolveu me acompanhar na fila. Foi aí que nesse momento o distraído aqui reparou como ela era bonita: uma ruiva mais ou menos da minha altura e muito simpática.

Ela ficou toda sorridente ao meu lado e eu calado na minha. Engraçado que naquela hora bateu um sentimento que nunca passou na cabeça antes: imaginei que eramos um casal e que estávamos juntos fazendo compras. E isso me deixou bastante feliz... um júbilo maravilhoso, de se sentir vivo que a muito tempo não sentia.

Que coisa maluca, não?

Fiquei assim até chegar o momento do caixa, quando na hora ela viu um Sonho de Valsa naqueles doces que estrategicamente fica perto e pegou. Aí depois ela perguntou se o que iria comprar tava com dinheiro todo certo, eu disse que sim, então pegou o meu dinheiro e pagou tudo (as minhas compras e as dela) no cartão. Depois agradeceu deixando o Sonho de Valsa, eu a lembrei e ela disse que era presente. Fiquei meio sem reação, mas com uma sensação boa. Nem perguntei seu nome e nunca mais a vi.

Quando ela foi embora, fique-me a pensar... eu gostei, não dela em si, mas da sensação que a trouxe junto, foi um sentimento muito raro para mim, fiquei pensando com os meus botões e na hora veio um pensamento que nunca passou antes na minha cabeça: de como eu sou sozinho... sério! Eu então com 31 anos tinha reparado como estava velho e ainda não tinha ninguém, nunca tive namorada. Sempre fui uma pessoa introspectiva desde novo, até gosto de ser assim, porém tem horas que isso me frusta. Isso porque sou muito tímido, timidez essa que já chegou de nem conseguir falar com alguém do sexo oposto. Hoje estou melhor, consigo falar com as mulheres numa boa, porém só quando não tem interesse no meio, porque se tiver...

Por isso o contato com essa garota fez eu pensar sobre o assunto, pois revelou um desejo tão secreto até para mim: um lobo solitário que sempre gostou de ser assim só, descobriu que nem ele quer ficar sozinho.

terça-feira, 11 de junho de 2013

Faroeste Caboclo




Hoje de tarde fui assistir este filme que desde que soube que seria lançado prometi que faria. Foi bom, até interessante... mas esperava um pouco mais.

Como é de esperar pelo nome, ela foi inspirada numa música da Legião Urbana, escrita pelo Renato Russo, falecido em 1996. Curioso é que foi nessa época que ouvi falar da banda e principalmente da música, que por sinal foi a 1ª ouvir oficialmente (posso ter ouvido antes sem saber quem era). Um colega de classe falava sempre dela e não sossegava até me mostrar. Até que gostei da música.

O filme segue a história da música (nem sempre) no seus aspectos: João de Santo Cristo ficou sem rumo depois que seus pais morreram. Tentando a sorte, sai do marasmo da fazenda e vai para cidade grande. Lá encontra um parente distante que é estrangeiro, Pablo. Ele ajuda João a arranjar um emprego e se virar por lá como aprendiz de carpinteiro. Só que o trabalho não dava muito dinheiro e Santo Cristo resolveu participar do negócio que seu primo participava. O problema que cada vez que se envolvia, João ficava mais preso, que aconteceu no seu romance com Maria Lúcia. E como é de se esperar, o final não é feliz (quem conhece a música sabe o porquê).

Repetindo o que disse eu esperava mais, entretanto era previsível essa sensação, visto que desde que a música foi criada esta possibilidade de transforma-la em filme, quadrinhos ou qualquer outra mídia já era pensada. Eu mesmo lembro que meus colegas que estudavam comigo ficava pedindo sempre para criar, mas sempre enrolava, he, he, he... nunca fui fã de Legião, apesar de gostar de algumas músicas. Então a expectativa é muito grande. Por isso foi bom, poderia ser melhor? Poderia... mas é melhor do que nada.

sexta-feira, 7 de junho de 2013

Aparências Enganam...


Minha cara de poucos amigos...

...Mas o Preconceito Permanece

Sabe, uma coisa que sempre percebi e que hoje nem me incomoda é que eu não tenho padrão de beleza que a sociedade acha como ideal. Em outras palavras, sou feio mesmo. Tá, não chego a ser aquele bicho horroroso que só de olhar dá náuseas... entretanto sou daquelas pessoas que  passa despercebida na multidão, por ter uma beleza nula.

Isso até gosto, pois não gosto de aparecer, acho legal entrar nos lugares e sair sem ser percebido, tipo um fator ninja. Só que nem sempre isso é visto com bons olhos, principalmente eu que tenho mania de observar as coisas (e sendo feio, se veste mal e com uma barba monstro, só piora).

Lembro bem que por andar desarrumado já me deu problema quando mais novo: logo no inicio do Shopping Guararapes em 1993, teve um segurança que queria me colocar para fora de lá achando que eu era um moleque de rua. Por ser mestiço e ter um péssimo hábito de me arrumar, é muito fácil confundi com uma pessoa negra (etnia essa descriminada ao longo da história brasileira) e taxar logo de um possível delinquente.

Ontem aconteceu de novo: estava num local na minha quando de repente um policial começou a me abordar com a série de perguntas um pouco estranhas, a cada resposta que dava, ele fazia mais como se quisesse me pegar na mentira. Eu fiquei muito pvt0, pois estava lá porque fui convidado e a pessoa em questão não tinha culpa, porém o dono do estabelecimento parece que tava meio desconfiado, talvez pela minha cara feia, boné e barba de mendigo. Fiquei tão mal com a situação que acabei não tendo vontade de sair de casa hoje de manhã, tive que postar sobre o assunto porque essa sensação ruim tava me incomodando.

É triste que ainda nos dias de hoje as pessoa te julgam pela aparência. Depois não sabe porque são roubadas por gentes bonitas brancas bem vestidas que só usam roupa de grife.

Obs: não gosto de comentar a respeito desse papo de etnias, como a pessoa se veste ou algo parecido, pois vejo as pessoas iguais, não tenho essa frescura. Entretanto vivemos num país onde a sua imagem vale muito mais que suas ações, principalmente no Brasil que esse assunto é velado.

Obs 2: quando falo que uma pessoa desarrumada se confundi com uma pessoa negra, não estou dizendo que todo negro anda desarrumado, mas que para uma classe dominante isso são sinônimos.

terça-feira, 28 de maio de 2013

Vesak 2013


Vesak com a mestra de toda America Latina

Neste Domingo teve o Vesak, festa que comemora o Aparecimento de Buda. Este ano até que começou tarde, visto que vejo pela web que a data certa foi 25 de Abril deste ano. Deve tido algum motivo para esse atraso.

Este ano teve a cerimônia comum do dia e o banho de Buda, algo que já tinha feito antes. Só que tava bem cheio, disseram que estava mais que o ano passado, que aliás nem fui. Contando com a de 2010 e 2011, essa foi a 3ª vez que fui. Muita gente... mas nenhum conhecido.

Falando nisso, este ano foi a última vez que chamo alguém, toda vez que faço, a pessoa diz que vai e não aparece... que saco! Se é para ficar nessa expectativa é melhor nem chamar para assim não gerar frustração.

E pensando melhor, acho que isso é algo que devo aprender: não criar expectativa.

terça-feira, 30 de abril de 2013

Laura Sodré


Hoje é o aniversário de uma pessoa muito especial e querida que por enquanto só conheço na web, uma amiga muito mais legal que muitas reais que conheço por aí: Laura Sodré. Eu a conheci por acaso num grupo do Facebook. Quando teve um certo contratempo que me fez me aproximar dela. O que era um mal entendido que precisava ser resolvido se tornou o gancho para uma grande amizade.

Laura: Minha lindinha de Manaus
Hoje conversamos bastantes nas redes sociais da vida, uma amizade sincera que raramente consigo fazer, talvez pela minha personalidade difícil de lidar que poucos tem a coragem de aguentar as minhas  lamurias... e acredito que Laura é uma delas que conseguem, por isso merece uma medalha, he, he, he... Laura é uma pessoa muito querida para mim, fico saudades quando passo muito tempo sem falar com ela, acho que graças a sua pessoa que eu ainda tenho um pouco de vida "online", visto que moramos muito longe um do outro. Ela mora em Manaus, penso qualquer dia visita-la, quem sabe no próximo ano, quem sabe...

Parabéns para você, Laurinha!!

quinta-feira, 25 de abril de 2013

Festa da Lua


No Sábado passado teve mais uma Festa da Lua, festa essa que comemora o aparecimento de Senhor Caitanya Mahaprabhu, a última reencarnação de Sri Krishna desta era que aconteceu a 500 anos atrás na Bengali, Índia. O nome original da festa é Gaura Purnima (pronuncia Goura) que existe já a bastante tempo e que aqui em Recife ganhou esse nome "Festa da Lua". Esta versão da festa começou em 2004 e eu vou desde 2005.

Caitanya Mahaprabhu
Esta foi a 10ª edição a ser realizada. Lembro que na primeira fui convidado pela minha professora favorita do PREVUPE: Evalda Andrade. Ela estava começando a frequentar o movimento e naquela época tudo que fazia eu ia atrás (a quem pensasse que eu estava apaixonado, mas na verdade era só admiração sincera a uma pessoa tão especial e querida). Aquela edição foi uma das melhores que fui, nunca esqueço.

Ano que vem fará 10 anos e com certeza estarei lá para registrar.

domingo, 14 de abril de 2013

Deixando crescer novamente...


Saudades do meu cabelão... 

Pois é, dá para notar que estou publicando ainda menos do que no ano passado... e pelo jeito este ano será bem pior, pois como voltei para a Federal, quero dedicar com todas as forças para me formar, algo que devia ter feito a muito tempo atrás.

Quem sabe eu consiga desta vez, não é?

Só que o motivo que está fazendo eu postar novamente não tem a ver diretamente com isso... ou tem? Bem, deve está relacionado. O motivo é que depois de 2 anos, resolvi deixar o cabelo crescer novamente... mas espere!! Ele não está como aparece nessa foto, isso é só uma imagem antiga minha que hoje sinto falta.

Eu cortei o cabelo em 2010, mas por um motivo bem idiota, que hoje me arrependo. Coincidência ou não, minha vida nunca mais foi a mesma: perdi o ânimo para as coisas e raramente saia de casa. Foi aí que comecei a reprovar seguidamente no meu curso a ponto de ser jubilado. Felizmente (ainda) não fui. Mesmo com o meu lado psicológico em fragalhos, consegui arranjar forças para me erguer novamente.

Agora vou deixar o meu cabelo crescer mais uma vez para felicidade de alguns e desespero de outros tantos. Desespero sim porque muitos gostaram do meu visual "careca" e falaram que estava bem melhor assim... Só que eu não gostei, não estava feliz e se pudesse voltar atrás antes de cometer a maior burrada da história da minha vida, eu voltaria. Sempre gostei de cabelos grandes e me sentia muito bem com eles. Espero que desta vez não tenha um motivo besta que me faça cortar de novo, principalmente se for por alguém.

domingo, 3 de março de 2013

Volta ao Mundo em 80 Dias


Um filme legal que não fez muito sucesso

Hoje de tarde passou novamente este filme na tevê, pensei em falar dele na outra vez, mas acabei esquecendo. Um dos poucos filmes americanos mais recentes de Jackie Chan que eu mais gosto (geralmente esses filmes são muito ruins, mais pelo elenco de apoio do que o próprio Jackie).

A história é baseado no famoso romance de Júlio Verne (que tem o mesmo nome do filme). A diferença em relação ao livro que lá o personagem de Jackie é francês e no filme além de ser chinês, ele que é o protagonista da história. Segue todo aquela história da aposta de Phileas Fogg e aquele blá, blá, blá... mudando uma coisa ou outra para encaixar o Jackie nesta versão. Lembro que quando estava nos cinemas eu queria muito ver, porém não sei o que aconteceu que acabei não vendo. Só assistir em DVD quando meu pai alugou. O Making off é muito legal, só não gostei que o diretor do filme fala de todos os atores que fizeram participações especiais e esquece do mais importante: Sammo Hung.

Poxa!! Sacanagem, ele é tão importante quanto os outros ou até mais neste filme, afinal para quem é fã de Jackie sabe muito bem disto. O cara de Arnold, Kathy, dos irmãos Wilson entre outros... e esquece de menciona o china!? Que cara fresco... Sammo fez muito filme com Jackie e começou a carreira praticamente ao lado dele e também de Yuen Biao.

Enfim, tirando essa orelhada do diretor, o filme é ótimo e como disse antes, um dos mais recentes de Jackie com produção americana que vale a pena ver. Qualquer dia ainda comprou o DVD para mim, esse vale a pena.

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Amor


Depois de um bom tempo, volto a postar sobre filmes... e este aqui era para ter postado a muito tempo, mas  por problemas pessoais já mencionados em outras postagens, só tive oportunidade de fazer isso agora. Vou aproveitar o momento que ele ganhou o Oscar de melhor filme estrangeiro para comentar.

Filmes de artes você tem que vê pelo menos 2 vezes antes de tirar qualquer conclusão 
Este filme resolvi ver por acaso, estava na Fundaj (Fundação Joaquim Nabuco) e decidi assistir o que estava sendo exibido no cinema que tem lá. E um deles era Amor, um filme com uma história bem comum, que não se ver muito nas telas. Beleza, fui lá, comprei o ingresso e... dormir. Não sei como mas não conseguia me manter com olhos abertos, mesmo eu acostumado a filmes assim, não conseguir. Sem entender nada, fui embora para casa.  Aí, em outra ocasião, resolvi dá mais uma chance para película e  decidi assistir de novo... e desta vez, escolhi uma sessão mais cedo para não ter o perigo de pegar no sono mais uma vez.

Dito e feito: diferente da 1ª vez que achei chato e sonolento, percebi a beleza que existe na história. As pessoas apenas focaliza o lado sexual ou o físico e acha que é amor... que nada, é apenas a ponta do iceberg. Amor mesmo é não abandonar a pessoa que ama quando tudo leva a você fazer isso. E é isso que se ver na história desse casal de velhinhos que tem uma cena bem marcante no final (que é claro, não vou dizer). Recomendo para todos assistir, principalmente para refleti na vida própria e naquele que se ama.

Com o prêmio do Oscar (junto com o Globo de Ouro e a Palma de Cannes), com certeza este filme ainda ficará um bom tempo nos cinemas. Essa é a oportunidade de quem não viu, aproveitem.

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Dor, a Epifania mais Antiga


Nesse dia saiu tanto sangue que tive uma epifania.

Pois é... se não bastasse a minha mãe internada, agora sou eu com problema de saúde. O que parecia apenas um inchaço numa área , começou a estourar e aparecer em outros no lugares. No começo eu não me preocupei tanto, fui ao médico e ele me receitou um antibiótico que logo fez efeito. Só que nesses últimos dias o problema voltou com mais força deixando muito mal e preocupado.

Isso está me afetando profundamente, pois a dor é tão insuportável que tive que ficar a maior parte do tempo em casa, prejudicando a já conturbada volta aos estudos. Realmente acredito que pela quantidade de falta é bem provável que serei reprovado... entretanto, não desistirei assim tão facilmente, enquanto puder ter a possibilidade de reverter o quadro, isso eu farei.

Ainda não sei o motivo que ocasionou tudo isso, visto que sou um marmanjo velho sem dinheiro e muito menos sem plano de saúde, mas quando tiver oportunidade tentarei descobrir indo... sei lá, em algum hospital filantrópico. No momento o problema se instabilizou novamente e agora espero que desta vez seja em definitivo. O que aprendi com isso? Que a saúde é importante e que a gente só dá valor quando se perde... mas isso é tão natural quanto morrer, infelizmente o ser humano é assim mesmo e não aprende nunca.

domingo, 17 de fevereiro de 2013

Ano Novo Chinês


Foto do cartaz (ignore o meu amadorismo)

Depois de 2 anos sem ir, finalmente volto a participar do ano novo chinês no templo budista de Olinda. Este ano é o ano da serpente. Tinha chamado Isa, que até teve um interesse inicial em ir... mas por causa de uns lances, ela acabou não querendo ir mais.

Tudo bem, fui sozinho mesmo...

Como era de se esperar, o Templo estava lotado, onde mal dava para andar direito. Teve os mantras comuns e os especias do dia. Tinha vontade de gravar, mas a minha câmera está com problema já faz um tempo. Espero que até o próximo ano novo, eu já tenha uma bateria nova que a tempos preciso comprar.

De tarde teve apresentações de Artes Marciais, dança além de voz e violão. Ganhei uma lembrancinha da mestre... pena que não tive sorte no sorteio. Teve família que levou 4 prêmios e eu sozinho não ganhei absolutamente nada, ha, ha, ha... mas tudo bem, o que vale é participar. Que este ano novo da serpente seja um bom ano, farei de tudo para isso.

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Renato: Uma partida inesperada...


Dias antes, Renato tinha acabado de se formar

Já faz alguns dias, mas ainda está difícil de acreditar. Tento imaginar que na verdade isso foi só um pesadelo, entretanto ele é bem real do que se pensa. Meu primo (de coração) teve sua vida ceifada na última Sexta Feira. Revoltante é que ele estava no seu local de trabalho quando foi pego de surpresa por um elemento que estava fugindo da polícia e ao deparar com Renato, deu 2 tiros na cabeça do coitado.

Felizmente a polícia conseguiu deter o bandido, mas o problema é que ele é de menor, então é bem provável que logo logo estará solto novamente. Não sou a favor de abaixar a maioridade porque não adiantaria de nada, pois os bandidos apenas recrutaria moleques mais novos no lugar. Sou a favor de que cada caso seja estudado individual independente da idade, como é em outros países.

Triste é saber que Renato tinha acabado de se formar em gastronomia, poucos dias antes do trágico dia. No nosso último encontro, ele tinha falado do seus planos para futuro, planos esses que nunca mais serão concretizados. Ver a sua mãe em prantos e sua filha desesperada no seu enterro, deu um pesar no coração, um misto de tristeza e revolta.

Renato era um cara muito gente boa, conseguia animar a pessoa mais pra baixo que tivesse contato com ele. Nas festas de família, era alegria dela. Lembro quantas vezes a gente na cozinha conversando altas besteiras... agora isso ficou na lembrança e com certeza as festas nunca mais serão as mesmas. Se eu soubesse que naquela ceia de Natal seria a última vez que veria, tinha gastado todo o tempo com ele. Mas enfim, ninguém sabe o dia que partirá deste mundo. A única coisa que posso desejar agora que ele esteja num lugar melhor e que sua família supere a sua ausência. Adeus grande amigo, nós todos sentiremos a sua falta.

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Ano Novo, Agenda Nova


Depois de um fim do mundo que não existiu, um susto familiar e um romance relâmpago... aqui estou eu de novo no meu blog para começar as postagens do ano. E desta vez o assunto é minha agenda nova.

Todas as minhas agendas de 2008 até 2013
Desde de 2008 que uso agenda... quero dizer, tento usar. Sou muito preguiçoso para escrever e acaba o ano usando poucas páginas. Nas primeiras até que escrevi um pouco, algumas com um monte de abobrinha  mas o do ano tive a façanha de escrever uma ÚNICA vez, ha, ha, ha...

Este ano vou tentar usar pelo menos a maior parte dela. Pensei em comprar uma dos Angry Birds, jogo que estou viciado no momento, mas mudei de ideia de última hora (e também porque era ruim e muito cara). Comprei essa de "NO STRESS" porque nela os Sábados e Domingos são em página inteira (pois geralmente esses 2 dias são colocados na mesma página) e porque realmente preciso me acalmar um pouco. Quem sabe o nome da agenda ajuda, ha, ha, ha... bem, este ano vou fazer de tudo para que seja realmente bom para mim.

SEJA BEM VINDO 2013!!!

Outros Trecos...