A LONGA CAMINHADA (Não Necessariamente Para o Oeste)

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

2 anos sem Miradouro


Faz 2 anos da morte de Miradouro: O gatinho medroso. Ele para mim era especial, pois ele não agia como gato, até parecia como um coelho. Era um felino que não subia nos muros nem nas árvores. Praticamente não miava e só começou a miar no fim de sua vida.

Acredito que Miradouro morreu de tristeza, de depressão... por não encontrar mais seus irmãos e outros gatinho da mesma família. Foi um fim de uma dinastia dos felinos negros, que começou com sua avó Chikitita, sua tia-avó Shasha e seu tio-avô Pelé, o 1° a sumir em 2000. Tiquinho, como a minha mãe o chamava, foi o único dessa família que cheguei a ver a falecer.

Diferente dos outros que sumiram misteriosamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Hei! Cuidado com que você vai comentar...
Posso também vomitar na sua cara, infeliz!!!

Outros Trecos...