A LONGA CAMINHADA (Não Necessariamente Para o Oeste)

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Sonic the Hedgehog (20 Anos)



Hoje é uma data muito especial, especial mesmo. Pois é a data que se comemora do grande personagem da SEGA que marcou uma geração:

SONIC

Ele criado a 20 anos para ser o novo mascote da SEGA, que seu antecessor, Alex Kidd, não estava fazendo o sucesso que era esperado. Ele baseado numa onda japonesa que 1991 era de se criar um bicho ouriço.

Lembro-me bem a 1ª vez que joguei este game: Foi no final deste mesmo ano, num concurso do Shopping Recife em que se jogava em vários jogos e quem fizesse mais pontos, ganhava um prêmio (não me lembro qual era...). Eu acabei não ganhando, mas a experiência mais estranha que já vi, começando que o personagem não tinha barra de energia, se não pega as tal das argolas, morria fácil, fácil... um conceito novo para mim.

Alguns anos mais tarde eu, meu irmão e outros amigos já estávamos todos viciados nele e suas sequências, em especial Sonic 2, talvez a versão que fez mais sucesso. Depois vieram Sonic CD, as versões do Master, as outras do Mega e também a do Saturn... totalizando 11 games (pouco, não?) que eu tenho do ouriço. Lembro com saudade desse tempo, quando eu voltava da Escola e muito antes de entrar nos portões da Vila Brigadeiro Ivo Borges (lugar onde eu morava) já ouvia mesmo a quase 2 quarteirões, os barulhinhos das argolas sendo recolhidas quando meu irmão estava jogando. Bons tempos aqueles...

Depois ele apareceu todo reformulado no Dreamcast, novo console da SEGA . Porém os tempos eram outros, pois não tinha mais aquele entusiasmo de antes, sem falar que esse foi o último aparelho que empresa fez antes de jogar a toalha nesse segmento... agora ela só faz jogos para suas concorrentes. E com o fim dos consoles da SEGA, coincidentemente acabou também o meu interesse maior pelos jogos eletrônicos, que morreu junto com o último console que eu tive: O finado Sega Saturn, comprado tardiamente já na época.

Agora Sonic não tem a mesma fama de outora, tendo que até dividir jogos com seu ex-rival Mário, uma tremenda heresia que eu nunca pensei que estaria vivo para ver. Muitos dos seus conceitos clássicos começaram a se perder, ficando ele parecendo uma caricatura de si mesmo e acredito que seja isso que fez ele perder um pouco de charme que contagiava a todos nos anos 90. Entretanto para comemorar seus 20 anos, pode ser que muito dessa magia volte, no novo jogo que foi desenvolvido nas atuais plataformas mais avançadas. Eu ainda não joguei, porém acredito que seja uma grande diversão!!! Não espero a hora...

Parabéns ao personagem mais carismático que apareceu no mundo dos Games!!

Um comentário:

  1. Muito bom o post, Lui! Realmente é uma pena ver o Sonic penando nos jogos atuais...mas vamos ver, quem sabe a SEGA não acorda e passa a criar bons jogos para o ouriço?

    De qualquer forma, considero Sonic 2 como o melhor dos clássicos! Aquele jogo é tudo de bom, a experiência Sonic elevada ao nível supremo!

    Abraços

    ResponderExcluir

Hei! Cuidado com que você vai comentar...
Posso também vomitar na sua cara, infeliz!!!

Outros Trecos...