A LONGA CAMINHADA (Não Necessariamente Para o Oeste)

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

500 Dias com Ela


Rapidamente entrou nos meus favoritos!!

Hoje fui ver um filme no Recife depois de muito tempo sem ir lá... e acabei indo sozinho, pois a pessoa que tava pensando em convidar, não podia ir. Foi até melhor, pois não sei se conseguiria olhar para ela depois do final da sessão. Isso porque me interessei pela história porque o personagem central vive o mesmo drama do que eu: Apaixonado pela amiga, mas não é correspondido. E tentando entender o meu caso, resolvi ver-lo.

O filme conta a história de Tom, um rapaz que trabalha fazendo textos para cartões comemorativos, e os 500 dias que ele passa com Summer: uma encantadora garota que ele conhece no trabalho e com quem se apaixona perdidamente. O problema é que ela, apesar de gostar de sua companhia, não está interessada e isso o deixa bastante deprimido.

A película, como li nuns sites por aí, tá mais pra uma comédia romântica destinada ao público feminino. Porém isso não é problema para mim, já que disseram que sou... é... romântico!? Pelo menos mostra um lado no homem que sempre é omitido em livros, filmes e sociedade: os sentimentos.

Achei a história interessante e muito divertida a forma como mostra os 500 dias dele indo do céu para o inferno, deu até para perceber o porquê de que eu não me dou bem em relacionamentos. Talvez por idealizar demais com a pessoa amada um mundo perfeito, sem saber se vai rolar alguma coisa ou não. Identifiquei muito com o personagem em algumas cenas, mesmo estando agora um pouco mais cauteloso...

Espero ter um pouco mais sorte que ele.

Curiosidade: O nome do filme em inglês é "(500) Days of Summer"... e Summer é Verão. E foi todo o Verão que durou o romance do azarado protagonista com a Summer do filme. Pena que o trocadilho não funciona na nossa a língua, aí teve que alterar o nome do filme mesmo.

Um comentário:

  1. Massa que um dos motivos de querer assistir este filme foi por causa de um romance não concretizado com uma menina. Tentei ver para não cometer os mesmos erros com a próxima... só que pelo jeito não adiantou.

    ResponderExcluir

Hei! Cuidado com que você vai comentar...
Posso também vomitar na sua cara, infeliz!!!

Outros Trecos...