A LONGA CAMINHADA (Não Necessariamente Para o Oeste)

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

As Aventuras de Agamenon, o Repórter



Ha! Ha! Ha! Por mais que eu olhe na internet, só vejo galera malhando o filme... ainda bem que assisti antes de ver essas críticas negativas, pois senão teria o meu olhar meio que contaminado. Então, para defende-lo, resolvi falar um pouco dele e o porquê de ter gostado.

As Aventuras de Agamenon é uma espécie de "documentário" narrado por Fernanda Monte Negro, onde conta a trajetória desse repórter que dá ao nome a película e tem fator dominante no jornalismo brasileiro. No decorrer do filme aparece Agamenon entrevistando gente histórica ou participando de momentos importantes da história do mundo no século XX. Tem a participação de muitas personalidades brasilieras que estão interpretando elas próprias, como o caso do jornalista Pedro Bial, que na história tenta saber um pouco mais do mito "Agamenon Mendes Pereira".

A história foi baseado num personagem fictício Agamenon, criado pelos humoristas Hubert e Marcelo Madureira (integrantes do Casseta e Planeta) que a mais de 20 anos tem uma coluna com seu próprio nome no jornal O Globo. Logo no começo da publicação, a pelavra humor não era mencionada e os desavisados pensavam que se tratava de um colunista de verdade. Seus textos tinha segundas intenções que geralmente causavam muitas dúvidas, controvérsias e discussões. Será por isso que o filme foi tão recebido negativamente e está sendo tão criticado? Não sei... pode ser uma possibilidade a ser pensada, pode ter sido dos 2 comediantes.

O que eu vejo mais é um preconceito que se criou no humor do Casseta & Planeta de uns tempos pra cá, onde não precisa está todos os integrantes juntos, basta aparecer apenas um para isso acontecer. Vi algo parecido num vídeo na Internet que fizeram de uma paródia da música de Katy Perry... em que nos comentários tinha muita gente falando mal e muita dessas críticas era porque nele tinha a participação de Hélio de La Pena, outro Casseta. No caso de Agamenon, o interessante é que essas pessoas que criticaram o filme são as mesmas que idolatram Borat e Brüno: 2 filmes de Sacha Baron Cohen que tem uma linha de humor semelhante em que todos aplaudem. Vai ver porque é estrangeiro e isso já explica tudo...

Enfim, pra mim o que importa é que eu gostei do filme e não me arrependo. Tirando o final, eu gostei mais dele do que os anteriores "A Taça do Mundo é Nossa" e "Seus Problemas Acabaram!". Só acho que poderia ter sido um pouco mais elaborado, pois algumas partes está fora de cronologia... entretanto já esperava esse estilo de humor, pois conheço os trabalhos dos caras e não iria assisti se eu não gostasse.


Para quem gosta do humor do Casseta & Planeta vale a pena assistir, eu recomendo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Hei! Cuidado com que você vai comentar...
Posso também vomitar na sua cara, infeliz!!!

Outros Trecos...