A LONGA CAMINHADA (Não Necessariamente Para o Oeste)

terça-feira, 24 de junho de 2008

Saudade da minha vovó Maria...


Eu no colo de vovó. 

Para outra pessoas hoje é um dia de festa, mas pra minha família não é mais. Isso porque há 11 anos que meu pai recebeu a triste notícia: que a sua mãe (minha avó paterna) tinha acabado de falecer um dia antes. Depois disso, o São João da nossa família nunca mais foi o mesmo. Aquele dia estávamos recebendo parentes e a minha casa era só alegria... até que no momento que o meu velho recebeu o telegrama... tudo mudou.

É muito triste, pois a última vez que vi vovó foi quando tinha apenas 10 anos, era muito legal quando passava as férias de final de ano no Ceará. Minhas lembranças com o tempo foram sumindo... E agora, acho que nem muito laço tenho com os meus parentes de lá. A perda foi muito grande.

Por isso tenho que passar por lá ainda este ano e desta vez pra valer, pois no ano passado prometi que iria e não fui. Se mesmo assim não for este ano, com certeza absoluta será no próximo. Tenho que ver o meu avô, minhas tias, Fortaleza e outras coisas que tem no Ceará... Tenho que ir!

Percebo que para resolver os meus problemas atuais tenho que voltar para as minhas origens... por acreditar que lá tem as respostas. Não sei se vou aguentar tamanha emoção ou de fato encontrarei as tais para as minhas perguntas, mas de qualquer forma vale a pena ir... Nem que seja apenas para sair do lugar, procurar outros ares, pois percebo que algo em mim está morrendo e se não fizer algo, talvez não tenha mais volta no futuro.

Enfim... Será uma viagem que queria ter feito entre 1999 e o ano 2000.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Hei! Cuidado com que você vai comentar...
Posso também vomitar na sua cara, infeliz!!!

Outros Trecos...